Outubro, mês das Bibliotecas

  Concurso – “DOCUMENTA-TE” – 3º ciclo e Secundário   As nossas Bibliotecas são centros de documentação e memória: espaços de preservação e de salvaguarda do património documental da escola, do património literário, artístico e cultural da língua portuguesa, das obras mais notáveis da humanidade em todos os campos do saber e, por vezes, daContinue a ler “Outubro, mês das Bibliotecas”

A Utopia (dos nossos alunos)

Se tens uma utopia, nenhuma parede é suficientemente forte para a calar. Ana Dores Eu tinha uma utopia… De tanto a buscar, perdi-a… Mas sei que, enquanto houver um utópico no mundo, haverá poesia. Ângela  Mendes A maior utopia é pensar que alguém, um dia, possa atingir os limites da imaginação. Filipe Vítor Utopia é paraContinue a ler “A Utopia (dos nossos alunos)”

O neoliberalismo visto por um aluno

                     O Neoliberalismo caracteriza-se por um conjunto de ideias políticas económicas e capitalistas que defende a não intervenção do Estado na economia.             Tem como prioridades a mínima participação estatal na economia de um país, a pouca intervenção do governo no mercado de trabalho, a políticaContinue a ler “O neoliberalismo visto por um aluno”

(Pequeno) Ensaio sobre a Família

A FAMÍLIA Tradicionalmente, a família é o conjunto de pessoas que possuem um grau de parentesco entre si, que partilham o mesmo espaço e os mesmos recursos. A família nuclear é normalmente formada pelo pai e mãe, unidos pelo matrimónio ou por união de facto e por um ou mais filhos. Porém, de alguns anosContinue a ler “(Pequeno) Ensaio sobre a Família”

Os limites do humor

A comédia, grosso modo, é o uso do humor nas artes cénicas, espetáculos, filmes, etc. De modo geral, comédia é aquilo que faz rir, que é engraçado. Neste sentido, o conceito de humor está associado ao de comédia e, muitas vezes, não fazemos distinção entre ambos. Mel Brooks define comédia da seguinte maneira: «Tragédia éContinue a ler “Os limites do humor”

Bicicleta, o veículo do futuro?

Numa época em que cada vez mais se pensa em alternativas ao automóvel, a procura duma solução tem vindo a ganhar cada vez mais força, uma vez que a poluição ambiental é levada a sério pela sociedade, que se preocupa com uma melhor e mais saudável gestão da vida do nosso planeta, a Terra. AlémContinue a ler “Bicicleta, o veículo do futuro?”

Conflitos armados

Os conflitos armados têm sido uma constante desde que o mundo é mundo,  primeiro por questões tribais e territoriais e mais tarde por questões de poder e de influência. Nos nossos dias, prevalecem essas mesmas razões e ainda outras motivações relacionadas com a disputa de influências económicas. Portugal, ao longo da sua história, também já viveu diversos conflitosContinue a ler “Conflitos armados”

Carta de uma aluna aos seus professores

A Leal: uma espécie de casa Queridos professores e professoras da Escola Secundária Leal da Câmara, Com a passagem de mais um Natal e a chegada de um novo ano e depois deste clima de festividades, símbolo do amor, da paz, da compaixão, do Inverno, das bolachas com chá ou leite e das luvinhas quentes,Continue a ler “Carta de uma aluna aos seus professores”

Leitura(s) de férias

Quatro alunas do do 10º ano (Prof.ª Teresa Lucas) analisaram as obras abaixo, no âmbito da atividade ”O texto em questão”. Aproximando-se as férias grandes, o 100Letras publica os referidos textos como sugestões de leitura que, esperamos, possam proporcionar bons momentos de leitura e de evasão.   TORDO, João. As Três Vidas, Leya , 2015 OContinue a ler “Leitura(s) de férias”

Uma história de amor em alemão

A Patrícia Vaz do 11H4, concorreu a um Programa de Prémios para o incentivo do estudo da língua alemã do do Goethe Institut. O seu texto não foi premiado, mas o simples facto de escrever uma história de amor em alemão e de  ter querido concorrer a um prémio nacional com “tanto empenho e dedicação” (palavras da suaContinue a ler “Uma história de amor em alemão”

A letter to my younger self

Escrever ao nosso ser mais jovem, agora que à distância nos observamos diferentes, é um exercício muito curioso, não importa em que língua seja feito. Aqui fica uma sugestão de leitura (e de escrita) para quem aprecia o género epistolar. A letter to my younger self February 2016 Dear Younger Me, I’m writing you this letter fromContinue a ler “A letter to my younger self”

As sombras da felicidade

Chegou-nos este texto, tão sincero e emotivo, que nos lembra que “O tempo que passamos a ser infelizes foi tempo desperdiçado.” Obrigada pelo testemunho! Após uma pequena investigação, detetei um problema sério que anda a afetar várias pessoas nos dias de hoje, esse problema é a depressão. Ao contrário do que muitos possam pensar, a depressão não éContinue a ler “As sombras da felicidade”