A política do vale tudo

Quando o desespero toma conta das organizações, sejam elas quais forem, políticas, religiosas, educacionais, desportivas, a ausência de orientação desencadeia comummente a ação sem alvo preciso e com todos os alvos na mira. É o que em bom português se designa por “vale tudo”- seja o que for – importando apenas os resultados. Ora, este tipo deContinue a ler “A política do vale tudo”

Editorial de Julho

Mais um mês, uma nova cor no horizonte, um alívio desenhado a traços (ainda leves) nas feições da nossa gente, professores alunos, funcionários. Para muitos, os desafios que fazem das férias um marco merecido (mas ganho à força da exaustão) são ainda muito agudos. Exames, vigilâncias, correções. Matrículas, certificados, inscrições. Juntam-se as pontas de um lenço por dobrar e de outro por estender e alisar:Continue a ler “Editorial de Julho”